A conversar é que os gappers se entendem!

Editor Inspiring Future
21 Maio 2020

A conversar é que os gappers se entendem é um conjunto de talks direcionadas para quem está a pensar fazer um gap year.

Esta iniciativa da Gap Year Portugal tem como objetivo dotar os jovens com ferramentas e dicas que lhes permitam tirar o maior e melhor partido desta grande aventura que é o gap year.

 

A situação atual em que vivemos, trocou-nos as voltas: muitos planos foram adiados, outros cancelados e mergulhámos num momento de incertezas, mas também de uma série de certezas.

“Haverá melhor momento para colocarmos a nossa vida em perspetiva e repensar o nosso futuro?” é a pergunta que a malta da Gap Year Portugal te deixa.

 

Já estás a perceber onde é que eles querem chegar? “Esta é a altura ideal para planeares o teu gap year!”

 

Primeiro estranha-se, depois entranha-se

Talk sobre gap year em Portugal - 27/05, às 18h30

 

“Quem disse que um gap year tinha de ser obrigatoriamente “lá fora” estava enganado.

História, natureza, cultura e gastronomia fazem parte do nosso sangue… Portugal é um pequeno poço de lugares incríveis por descobrir.

De norte a sul, sem esquecer as ilhas, há muito por onde explorar!”

 

A oradora – Catarina Ferreira:

Após terminar os estudos em Psicologia, a Catarina decidiu que era a altura certa para colocar uma mochila às costas e ir viver aquela aventura há muito esperada.

Durante cerca de 6 meses passou por Singapura, Malásia, Tailândia, Laos, Vietname e Cambodja, mas diz que “não há nada como Portugal”

 

Com um gap year e perseverança, trabalho se alcança!

Talk sobre como adaptar o gap year ao CV - 03/06, às 18h30

 

“E se te dissermos que fazer um gap year traz inúmeras vantagens para o teu futuro? Acreditas? 

Imagina que vais a uma entrevista de emprego. À tua volta estão outros jovens que, tal como tu, levam o seu canudo numa mão e o discurso preparado para responder às típicas perguntas na hora.

 

O que é que vos vai distinguir? Bingo! As atividades extracurriculares, os teus interesses, hobbies e soft skills adquiridas!

 

O gap year obriga-nos a pensar de forma diferente, a adaptar-nos constantemente a novas situações, a conhecer melhor os nossos limites e a descobrir aquilo de que realmente gostamos.

Desde os locais que visitamos, às pessoas que conhecemos e aos imprevistos, tudo nos transforma.”

 

O orador – Pedro Spínola:

Licenciado em Engenharia Biomédica, decidiu que não iria seguir o caminho tradicional após o mestrado.

Juntamente com a Beatriz Pamplona, foram os vencedores do Concurso Gap Year Portugal, em 2018, com o projeto Unwrapping Humans. Durante 10 meses, viajaram pelo Nepal, Índia e Sri Lanka.