Como criar uma carreira em "apenas" 5 passos

Redator com Futuro
21 Maio 2019

O mercado de trabalho é um mundo desafiante para quem quer ser bem-sucedido na sua profissão. Se fazes parte deste grupo, Darius Foroux (“How to Create a Career”) tem algumas dicas que te podem ajudar, e nós não poderíamos deixar de partilhá-las contigo.

Antes de te mostrarmos os cinco passos, há duas coisas que tens de ter em mente: Decidir com consciência! e saber responder à pergunta Que carreira queres seguir?

Sobre a primeira, é importante que não persigas uma profissão, mas sim uma carreira para a tua vida: existem inúmeros profissionais que trabalham sem serem capazes de visualizar um futuro para a sua carreira, e o principal motivo para esta dura realidade passa por terem colocado o seu futuro nas mãos de outros. O controlo do nosso sucesso passa por decisões com consciência.

Que carreira queres seguir?

Esta sem dúvida é uma pergunta essencial que te deves fazer. Afinal de contas, não seguimos uma carreira apenas por dinheiro ou porque a nossa família quer que o façamos. No fundo, todos nós sabemos bem o que queremos, mas temos medo de o seguir, porque criar uma carreira não é fácil: afinal de contas, será algo onde vamos trabalhar para o resto das nossas vidas, pelo que importa que realmente gostemos dela. Neste sentido, vamos deixar-te cinco passos que podem ajudar-te a começar a criar a tua própria carreira!

1. Auto-análise

Criar uma carreira passa por identificares as tuas forças, ou seja, aquilo em que és bom a fazer. Claro que podemos desenvolver as nossas fraquezas, mas é muito mais fácil apostares naquilo em que já tens um excelente potencial para o sucesso! "É preciso muito mais energia e trabalho para evoluir de incompetência para mediocridade do que melhor de extremamente bom para excelente" (Peter Drucker)

2. Escolhe uma indústria que combine com as tuas forças

Depois de concretizares a dica anterior, começa a parte mais complicada: selecionar uma carreira adequada. Partindo das tuas forças, tenta conciliar o melhor de dois mundos: além de seres bom a fazer X, também adoras fazer X. 

Aposto que neste momento estás a pensar algo como: “se eu realmente adoro fazer música, não é importante que seja bom a compô-la!” Neste caso, tens toda a razão! Darious acredita que devemos sempre fazer o que realmente amamos, mas mais como um Hobby e não como uma opção de carreira, de modo a potenciares realisticamente as tuas perspetivas de sucesso. “Eventualmente, vais acabar por adorar fazer aquilo em que és bom” (Cal Newport)

3. Melhora as tuas competências universais

Não basta seres bom no teu trabalho: é péssimo ficares confortável em seja o que fazes, pois este é o precedente do tédio e da insatisfação com a tua carreira. É essencial apostares no teu desenvolvimento profissional, e isto passa por capacidades de escrita, liderança, eficiência, persuasão, entre muitas outras. Quanto mais investes em ti, mais oportunidades de sucesso haverão de surgir ao longo da tua carreira.

4. Começa a partir de baixo

Ninguém se torna bem-sucedido por começar no topo. Não te deixes vencer pela impaciência ou expetativas irrealistas: no início da tua carreira tudo parecerá mais difícil e sem benefícios, e poderás pensar que estás a perder o teu tempo: talvez tenhas razão se verificas resultados nulos, mas é importante agires com intelecto e carisma, seres esforçado e procurares destacar-te pela inovação e empreendorismo, pois esta é a única estratégia sustentável.

5. Nunca pares de ter tornar na melhor versão possível

Pessoas de sucesso estão sempre entusiasmadas com o futuro, são sonhadoras e procuram sempre novas ideias. Neste sentido, nada é mais desencorajador do que nos sentirmos presos num trabalho sem futuro, pelo que é essencial que mantenhas o teu ritmo de aprendizagem. Aprende e desenvolve-te. Não é um caminho fácil, mas se estiveres disposto a pagar o preço, vais orgulhosamente alcançar todos os teus objetivos!