Exames adiados e a 1ª fase de candidaturas passou para 7 de Agosto mas há mais alterações!

Inspiring Future
2 maio 2020

*este artigo está a ser atualizado ao minuto e tem informações exclusivas

 

O que já todos tínhamos sugerido e pensado que ia acontecer, aconteceu mesmo. Os exames nacionais foram adiados!

O Ministério da Educação pronunciou-se hoje e tal como os exames, o acesso ao Ensino Superior também foi adiado.

 

Se és de um Curso Profissional e/ou Artístico, o artigo "Já se sabe como será o Concurso Nacional para o Ensino Profissional e Artístico!" é para ti!

 

Lê esta notícia atentamente para descobrires quais as datas que se alteraram e para saberes tudo o que mudou!

 

Quais são as novas datas dos Exames Nacionais?

A 1º Fase de Exames Nacionais será de 6 a 23 de julho.
O calendário nacional dos exames da 1ª fase podes ver neste artigo “Calendário Nacional de Exames 20/21 – 1ª Fase

A 2ª Fase de Exames Nacionais será de 1 a 7 de setembro.
O calendário nacional dos exames da 2ª fase podes ver neste artigo “Calendário Nacional de Exames 20/21 – 2ª Fase

 

Serão todos os Exames obrigatórios?

Não, apenas os exames que serão usados como Prova de Ingresso são obrigatórios. Todos os outros são opcionais ou poderão ser realizados como melhoria.

Os exames para efeitos de aprovação de secundário deixaram de ser obrigatórios, portanto, a tua nota final de 11º (se estás no 11º) e 12º ano (se estás no 12º) não será influenciada pelos 30% dos exames nacionais.

 

Para além disto, nos exames que fizeres, terás a possibilidade de escolher perguntas. Por outras palavras, nos vários grupos do exames existirão perguntas que deves escolher conforme a matéria lecionada na tua escola.

Quem é que pode ir à 2ª fase? Todos os alunos que queiram utilizar a segunda fase como autopropostos, para efeitos de melhoria de nota ou por terem faltado à primeira fase.

 

Ficaste com dúvidas? Então precisas de ver o artigo sobre as melhorias "Há melhorias ou não há melhorias?", depois de conversarmos com o Secretário de Estado!

 

Precisas de dicas para os Exames?  Como é que podes dar a volta para entrar no curso que queres fazendo exames mais fáceis? Vê o artigo: "Tens Matemática ou História como disciplina? Descobre o truque só para ESTE ANO!"

 

Já me inscrevi em vários exames como Prova de Ingresso... como é que faço?

Temos as soluções para todos os teus problemas! Basta ires a este artigo: "Vai ser possível anular a inscrição nos Exames que não preciso como Prova de Ingresso?" para saber tudo!

 

Então e as médias? Como é que se vão calcular se os exames são válidos apenas como Prova de Ingresso?

Se és do Ensino Profissional ou Artístico, precisas de ver este artigo:"Sou do profissional, como é que cálculo a minha média se os exames não contam?".

Se és do Ensino Recorrente, precisas de ver este artigo: "Sou do Recorrente, como é que cálculo a minha média se os exames não contam?".

Se és do Científico-Humanístico, precisas de ver este artigo: "Como é que cálculo a minha média se os exames não contam?".

 

Quais são as novas datas de Acesso ao Ensino Superior?

Sabemos, através da Direção Geral de Ensino Superior, que a 1ª fase de candidaturas abrirá a dia 7 de agosto! As respetivas colocações, sairão no final de setembro!

Já fizemos update conforme todas as datas disponíveis! Está tudo no nosso artigo "Calendário Nacional de Acesso 20/21".

 

Quando começarão as aulas do Ensino Superior?

Apenas no início de outubro.

 

Podes também consultar a informação disponibilizada pela Direção Geral de Ensino Superior.

 

Se quiseres saber sobre as aulas presenciais, abre este artigo: "A tua escola vai reabrir ou não? Eis a Questão!".

 

Vê o LIVE completo com o Secretário de Estado Adjunto e da Educação, João Costa, com quem tirámos as dúvidas todas:

 

 

Continuas com dúvidas? Vamos atualizar este artigo assim que tivermos mais informações! Iremos publicar no nosso Instagram assim que houver novidades!
Se precisares de ver dúvidas específicas esclarecidas, manda-nos um e-mail através do duvidas@inspiringfuture.pt

 
 

 

 

FONTE: Ministério da Educação